decoração2

Erros de decoração que fazem sua casa parecer menor

Decorar sua casa ou apartamento pode não ser uma tarefa tão simples quanto parece. Não é a toa que o mercado oferece profissionais qualificados para auxiliar na disposição dos móveis, combinação de cores e harmonização dos ambientes.

Mas todos sabemos que nem sempre é possível fazer a decoração com um profissional – e algumas pessoas até preferem realizar essa tarefa por conta própria. Contudo, existem alguns erros que são comumente cometidos e podem fazer com que você não aproveite adequadamente o espaço disponível em sua casa.

Listamos algumas falhas de decoração e possíveis soluções que vão ajudar você a escolher a melhor forma de deixar qualquer ambiente do seu jeito. 

1 – Móveis grandes com tapetes pequenos

Pode ser que você tenha alguma mobília que não se encaixa com o ambiente em que está colocado. Isso por si só já é uma falha, pois móveis grandes demais podem obstruir a circulação dos cômodos e dar a sensação de ambiente bagunçado.

A aparência pode se tornar ainda menor quando escolhemos tapetes pequenos para a mesma área. A falta de proporção entre os itens dificulta sua harmonização e pode comprometer o espaço útil da peça. Isso aplica-se especialmente para os quartos da casa.

Se você perceber essa falha em alguma parte da sua casa ou apartamento, aí vão algumas opções para melhorar a disposição entre mobília e tapete:

  • Substituir a mobília por opções mais adequadas ao espaço disponível;
  • Utilizar-se de tapetes maiores
  • Remover o tapete pequeno e deixar o piso à mostra.

Geralmente, bons tapetes em tamanhos grandes tem um custo elevado, e caso você não queira investir nesse item no momento, outra opção é comprar um tapete grande, mas simples, e usá-lo como base. Então, sobrepondo seu tapete menor pode-se criar uma combinação única e ainda economizar na decoração.

2- Excesso de objetos

Prateleiras repletas de itens de decoração, porta retratos e outros objetos dificulta a visibilidade de tudo que está exposto se tornando uma grande confusão visual.

Além de trazer um aspecto caótico ao local, são acúmulos de sujeira e pesam em qualquer cômodo escolhido.

Como citamos anteriormente, os quartos merecem atenção especial também na questão da distribuição dos objetos. Quanto menos, melhor – para não tornar seu local de descanso uma bagunça de informações.

A dica para esses casos é fazer uma avaliação e remover tudo aquilo que esteja sobrecarregando a decoração. Escolha entre 3 ou 4 itens (dependendo do tamanho) para utilizar cada ambiente. Isso deixará o local mais coerente e confortável.

3- Fios à mostra

A falta de organização de fios e cabos também é uma falha e denuncia falta de planejamento do ambiente. Por isso é muito importante que na hora de escolher onde colocar aparelhos eletrônicos como televisões e computadores, você avalie uma boa maneira de esconder os fios e deixá-los se não invisíveis, organizados.

Avalie a possibilidade até mesmo de modificar a mobília para conseguir uma maneira de não deixar esses emaranhados à mostra. Além de ocupar espaço, fios espalhados são sinônimo de bagunça e podem minar com a tranquilidade do seu melhor cômodo.

Hoje encontramos diversas formas de organizar fios e cabos, desde organizadores próprios para isso até instalações escondidas ou rentes às paredes. Uma rápida avaliação em seus cômodos será suficiente para que você saiba qual é a melhor solução para o seu caso.

4- Utilizar-se de muitos temas

É fundamental que, de alguma maneira, a decoração de toda a casa ou apartamento converse entre si, seja por meio das cores utilizadas ou estilo dos móveis. Se você escolheu um estilo rústico, o ideal é que toda a casa siga a mesma linha – não exatamente usando os mesmo objetos ou cores, mas complementando-se e criando a harmonia que tanto prezamos em casa.

O mesmo vale para estampas e decorativos. Não cometa o erro de utilizar animal print, padronagens geométricas e cores sólidas ao mesmo tempo, por exemplo.

Defina qual seu estilo favorito e organize conforme suas preferências. Assim, você encontrará a melhor forma de deixar sua casa decorada sem parecer brega.

5- Tudo combinando

E falando em brega, não existe nada pior do que estar em algum cômodo inteiro rosa, ou azul, ou de qualquer outra cor unicamente. Assim como o excesso de informações pode matar o espaço e trazer a sensação de cansaço, a falta de itens em destaque deixa o ambiente monótono e sem graça.

Você pode utilizar uma paleta de cores para descobrir quais são as melhores combinações da sua cor favorita e casar itens da melhor forma. As vezes, uma cor diferente em uma das paredes pode fazer toda a diferença e dar um novo ar para um velho cômodo.

6- Iluminação ruim

Ambientes escuros já são a sensação de espaço reduzido por si só. Agora, imagine um local onde a disposição dos móveis não é boa e ainda tem uma iluminação ruim. Combinação perfeita para o não aproveitamento dos espaços disponíveis em sua casa.

A sugestão é usar lâmpadas fortes para trazer o máximo de claridade possível, mesmo que você tenha uma fonte de luz natural no local. Caso você não possa substituir as lâmpadas, aposte em luminárias e abajures para complementar a claridade.

Espaços bem iluminados dão a sensação de maior espaço disponível, e mesmo que você tenha cômodos pequenos, esses truques podem ajudar a deixar o local aparentemente mais espaçoso.

7- Sofá encostado na parede

É claro que em algumas situações não existem outras possibilidades além de deixar o sofá rente à alguma parede. Contudo, se você tem um espaço maior e não está utilizando da maneira correta, saiba que a disposição dos móveis dessa maneira dará a sensação de que a sala ou quarto é menor.

Uma possível solução para esse caso é dispor uma mesa ou rack atrás do sofá, ou ainda utilizá-lo como divisor de ambientes. Para ambos os casos, também é importante verificar qual será o efeito disso na circulação do ambiente – que deve ser prioridade sempre que houver alguma mudança na mobília.

8 – Almofadas demais

Apesar de algumas pessoas associarem almofadas à conforto, exagerar no uso desses itens pode fazer com que o sofá ou cama pareça bagunçado e isso traz a sensação de espaço reduzido. Além disso, para uso prático você vai precisar de, no máximo, 6 almofadas – dependendo do tamanho do local onde estão expostas. O que acontece nesses casos é o uso de poucas almofadas e o restante acaba sendo deixado de lado.

Esse é um costume nada prático e que afeta a harmonia das peças. Por isso, verifique se as almofadas da sua casa são realmente necessárias e lembre-se de que, muitas vezes, menos é mais.

Você pode criar um ambiente confortável diminuindo a quantidade de peças utilizadas. Vale a pena fazer o teste.

Essas são algumas dicas que você pode aplicar em sua casa ou apartamento caso note alguma falha de decoração. Mesmo nos espaços mais reduzidos é possível criar combinações de itens, móveis e cores de maneira incrível e aproveitar melhor cada canto do seu lar!

Se você souber de alguma outra dica ou falha de decoração, compartilhe conosco nos comentários do blog ou no Facebook da Claro Imobiliária.

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *